fbpx

Como declarar o plano de saúde no imposto de renda

As despesas médicas proporcionam maior redução no imposto de renda e, até mesmo por isso, precisam ser declaradas com atenção, pois nem todas as despesas com saúde são aceitas pela Receita Federal.

Neste artigo, você pode tirar todas as suas dúvidas sobre como declarar o plano de saúde no imposto de renda. Confira!

O que declarar no imposto de renda 2022?

As principais deduções do Imposto de Renda são:

– As despesas médicas, como planos de saúde, consultas médicas, despesas hospitalares e cirurgias;

– As despesas com educação;

– Os dependentes;

– Contribuição para plano de previdência privada do tipo PGBL;

–  Livro-caixa de profissional autônomo.

As despesas podem ser deduzidas desde que sejam devidamente comprovadas por recibos ou notas fiscais com nome ou CPF do titular, dos dependentes ou alimentandos.

Como declarar gastos com saúde no imposto de renda?

Para declarar as despesas médicas, é necessário optar pelo modelo completo no programa.

O modelo completo é indicado para quem tem muitas despesas para deduzir, como gastos com plano de saúde, educação, ou possui dependentes. 

O programa IR 2022 mostra qual é a melhor opção para reduzir o imposto a pagar ou aumentar a restituição. Após preencher os dados, basta ir em “opções pela tributação”, no menu do lado esquerdo, para verificar o valor das deduções. 

É possível incluir os gastos com saúde do contribuinte, dependentes ou alimentados.

Passo a passo:

1 – Acesse o programa de declaração de Imposto de Renda 2022. Está disponível para preenchimento online ou pelo app no link abaixo:

Download do Programa de Imposto de Renda

2 – Selecione “Pagamentos Efetuados” no menu do lado esquerdo.

Nesta seção, entram despesas com médicos de diferentes especialidades, pagamento a plano de saúde e hospital, aparelhos ortopédicos e exames de laboratório.

3 – Clique em “Novo”.

4 – Selecione o código de acordo com a despesa a ser informada. O plano de saúde particular ou familiar deve ser declarado com o código 26 e as informações precisam ser as mesmas que estão no comprovante de pagamento.

No campo “Valor pago” é preciso colocar o valor total de pagamentos do ano. Basta somar tudo que foi pago durante 2021. Neste caso, o abatimento é de 100% do valor.

Como declarar co-participação do plano de saúde no IR?

Seguir o mesmo passo a passo acima e no campo “Valor pago” colocar apenas o que gastou ao longo do ano. Ex: se a empresa paga R$ 200 por mês e você paga R$ 100, você deve declarar apenas a sua parcela (R$ 100 x 12 meses = R$ 1.200).

Como declarar reembolsos de consultas e exames?

É importante solicitar à operadora do plano um informe detalhado dos reembolsos pagos a você.

Os valores de reembolso de consultas e exames feitos pelo plano de saúde não podem ser usados para dedução do imposto. A Receita irá considerar como dedução apenas a diferença entre o valor pago ao profissional e o valor reembolsado pelo plano de saúde. 

Os valores totais devem ser incluídos no campo “parcela não dedutível /valor reembolsado” e o cálculo é feito automaticamente pelo programa.

Quais despesas com saúde não podem ser declaradas?

– Medicamentos comprado em farmácias;

– Enfermeiros ou acompanhantes terapêuticos;

– Plano de saúde pago no exterior;

– Plano de saúde em nome da sua empresa (MEI) ou plano pago pela empresa onde você trabalha (exceto co-participação);

– Óculos, lentes de contato, aparelhos de surdez e similares.

Regras gerais para declaração do IR 2022:

Vale lembrar que é necessário informar todos os gastos e rendimentos ocorridos em 2021 e guardar os comprovantes por, no mínimo, cinco anos. Se a soma total da renda anual passar de R$ 28.559,70 a declaração é obrigatória.

Prazo para declaração de renda em 2022: até 31 de maio.

Fontes: site Receita Federal; site uol.

Imagem: katemangostar / freepik

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.